Cultura Maker

Inerente à proposta das metodologias ativas, as aulas de Maker tem como objetivo “pensar fora da caixa” e “colocar a mão na massa”, instigando à criação, a investigação, a elaboração de hipóteses, a resolução de problemas num ambiente colaborativo de aprendizagem e de interação entre estudante e professor, na busca de um produto final. Durante o processo, os alunos são desafiados a revisitarem seu projeto, analisarem os melhores recursos e meios disponíveis, testarem possibilidades, associando o ensino a inovação, utilizando-se de uma abordagem colaborativa utilizando pesquisa, criatividade e experiências na busca da resolução de um problema.